Economize tempo e dinheiro
Dólar

Comprar Dólar

Para comprar dólar (USD) basta ter CPF e algum documento de identidade válido. A compra deve ser feita em uma instituição financeira (banco, corretora ou casa de câmbio).
Cada instituição possui sua própria tarifa, então é importante fazer uma pesquisa de preços.
É sempre recomendado ligar antes e reservar a quantia desejada. Leia mais

Preço médio para comprar dólar referente à Agosto/2020

Executive R$ 5,4706 Site Informações
Coluna R$ 5,4893 Site Informações
Labor R$ 5,4908 Site Informações
Conecta R$ 5,4985 Site Informações
Lúmina R$ 5,5153 Site Informações
AVS R$ 5,5244 Site Informações
Dourada R$ 5,5566 Site Informações
Frente R$ 5,5691 Site Informações
Sagitur R$ 5,5692 Informações
Melhor R$ 5,5733 Site Informações
Brx R$ 5,5785 Site Informações
B & T R$ 5,5810 Site Informações
Get Money R$ 5,5897 Site Informações
Amazônia R$ 5,6003 Site Informações
Good R$ 5,6011 Site Informações
Western Union R$ 5,6077 Site Informações
Fair R$ 5,6539 Site Informações
União Alternativa R$ 5,6591 Site Informações
Vip's R$ 5,6653 Site Informações
Confidence R$ 5,6657 Site Informações
Santander R$ 5,6837 Site Informações
Pacific Invest R$ 5,6897 Site Informações
Daycoval R$ 5,6944 Site Informações
Banco do Brasil R$ 5,6988 Site Informações
Sol R$ 5,7079 Site Informações
AGK R$ 5,7231 Site Informações
Itaú R$ 5,7345 Site Informações
Cotação R$ 5,7367 Site Informações
Bradesco R$ 5,9532 Site Informações
Safra R$ 6,1103 Site Informações

Cotação atual

R$ 5,57

* comercial (em 25/09/20 11:00)

Cotação dos últimos dias (comercial)

Cotação média

Ago/2020

R$ 5,45

* comercial

Cotação média

Set/2020

R$ 5,36

* comercial

Histórico de preços para compra de dólar

Médias mensais de preços VET para compra de dólar .

Vale a pena comprar Dólar hoje?

Prever o melhor momento para a compra de Dólar é uma aposta, pois a taxa é flutuante, influenciada por diversos fatores da economia. Acompanhar os noticiários pode ajudar um pouco.
Como não sabemos se estará mais barato ou caro amanhã, alguns especialistas recomendam que se faça a compra em partes iguais, assim ao final das compras, o preço pago por cada Dólar é o médio dessas partes. Por exemplo, se vai viajar daqui a 3 meses, compre a cada mês (3 vezes) ou compre a cada 15 dias (6 vezes). Assim, ao final das compras, você terá pago o preço médio.

Uma análise que também pode ser feita, se baseia no histórico de preços e no atual. A comparação da cotação Dólar no passado e hoje pode ajudar na decisão do melhor momento para comprar. Seguem algumas análises feitas baseando-se na cotação de hoje (comercial):

A cotação Dólar está 1,13% mais cara do que ontem.

A cotação Dólar está 2,19% mais cara do que nos últimos 7 dias.

A cotação Dólar está 3,87% mais cara do que nos últimos 15 dias.

A cotação Dólar está 3,68% mais cara do que nos últimos 30 dias.

A cotação Dólar está 3,48% mais cara do que nos últimos 60 dias.

Dicas

  • Planeje a compra
  • Pense em comprar aos poucos
  • Pesquise e barganhe preços
  • Leia as notícias do mercado
  • Faça um plano de gastos
  • Avalie os meios de levar

Como comprar dólar

Para comprar dólar, apresente seus documentos pessoais (CPF e RG). As transações de câmbio só podem serem feitas junto às instituições financeiras (bancos, corretoras e casas de câmbio) credenciadas pelo Banco Central.

Espécie, cartão e cheque viagem

Escolha o meio de comprar dólar. Haverá sempre algumas vantagens e desvantagens para cada maneira. Para saber mais, acesse o guia de como levar dinheiro para viagem.

Como pagar

As transações podem ser pagas através de transferência eletrônica, DOC, TED, ou em em espécie (neste último caso, desde que não o valor não ultrapasse 10 mil reais).

Valores superiores a 10 mil reais

Acima desse valor, o pagamento não pode ser feito em espécie.
Não há limite para compra de dólar, mas se você for sair ou entrar do país com valores acima de R$ 10.000,00, será obrigado a apresentar a Declaração Eletrônica de Bens de Viajantes. Para mais informações, acesse Receita Federal.

Exija seu comprovante

Carregue sempre o comprovante de garantia da procedência de compra do dólar. Este poderá ser solicitado quando você for sair ou entrar em qualquer país.

Saiba mais

Cotação dólar turismo e comercial

É o preço da moeda, ou seja, corresponde quantos reais são necessários para comprar o dólar.
A cotação comercial é utilizada por empresas e bancos para as transações de exportação, importação e financeiras etc.
A cotação turismo é utilizada para viagens internacionais.

Como é definida a cotação

A cotação divulgada é apenas uma referência e as as instituições não são obrigadas a seguir. Na prática, as instituições cobram, em cima desses valores, uma taxa pelo serviço.
A taxa de câmbio é flexível, ou seja, ela é negociada livremente entre quem compra e vende. Desse modo, as instituições podem cobrar uma taxa para compra por telefone, outra pela internet e outra para loja física. Além disso, a cotação pode variar diversas vezes ao dia.

Por que o dólar turismo é mais caro

O dólar turismo é normalmente mais caro (que o comercial) porque leva em consideração os custos administrativos e financeiros da operação. Além de que, como tem uma liquidez maior, há custos de segurança, armazenagem, transporte, etc.

Por que o dólar tem um preço de compra e outro de venda

A taxa de venda é o preço cobrado pela instituição para vender. A taxa de compra é o preço que a instituição paga para comprar o dólar.
Essas taxas permitem o lucro das instituições/casas de câmbio comercializam a moeda.

Impostos

A compra de dólar envolve a alíquota de IOF (imposto sobre operações financeiras) e varia de acordo com a forma de compra. Para saber mais, acesse o guia de como levar dinheiro para viagem.

O que são esses preços

Os preços para comprar dólar apresentados aqui são referentes ao VET médios divulgados pelo Banco Central.
Por ser referentes a meses anteriores, deve servir apenas como indicativo na comparação e como ajuda para pesquisa de preços atuais nas instituições.
A cotação varia diariamente e o mercado de câmbio é livre, por isso, os taxas de câmbio cobradas pelas instituições oscilam diariamente.

O que é VET (Valor Efetivo Total)

Quando se compra há diversos custos envolvidos na transação. O VET é o preço final que inclui todos esses custos: cotação, tarifas e o imposto IOF.
Desse modo, o VET fornece ao cliente condições de comparar os preços disponíveis no mercado para compra de moeda estrangeira.

Quando devo ser informado do VET

As instituições são obrigadas a informar o VET ao cliente, antes que a transacão seja realizada. E também deve constar no contrato de câmbio ou no recibo da operação entregue ao cliente.

O que é o ranking VET

Assim como as instituições precisam informar os clientes do custo do VET para compra de dólar, elas também são obrigadas a repassar estas informações ao Banco Central que regulamenta o mercado de câmbio no Brasil.
Dessa forma, o Banco Central divulga mensalmente um ranking dos meses anteriores que apresentam os VETs médios praticados pelas instituições naquele mês.

Como fazer uma boa pesquisa

Já que os preços representam uma média de todas as transações realizadas naquele mês, é recomendado considerar um número mínimo maior de transações feitas por mês para cada instituição pesquisada. Com isso, reduz-se o risco de avaliar uma instituição que tenha concentrado as transações de compra em um único dia de alta ou de baixa do dólar.
Também é importante consultar o histórico de preços praticados pela instituição, pois se, ela fica entre as mais baratas em vários meses, o preço hoje também pode estar entre os mais baratos.